in

Globo toma decisão importante após confusão entre Casagrande e Caio Ribeiro

Reprodução - SporTV

A discussão acalorada entre os comentaristas Walter Casagrande e Caio Ribeiro, no último dia 4 de maio, no programa Bem Amigos, do SporTV, repercutiu fortemente na mídia. Passadas quase duas semanas do ocorrido, a TV Globo, que se mostrou surpresa nos bastidores com o debate polêmico entre os seus funcionários, resolveu tomar uma medida drástica.

Publicidade

Segundo informações do portal UOL Esporte, a emissora carioca emitiu um comunicado interno, em que proíbe que todos os funcionários da área de jornalismo de esportes realizem lives com personalidades esportivas, dirigentes e jogadores, de maneira autoral. Isto é, para fazer alguma transmissão de agora por diante, os jornalistas precisarão avisar previamente para a chefia, e o referido conteúdo será utilizado como produto da própria emissora.

Depois do entrevero, tanto Casagrande quanto Caio Ribeiro realizaram transmissões em seus respectivos perfis, entrevistando nomes importantes do futebol; algo comum entre outros jornalistas da casa. Agora os profissionais não terão mais a liberdade de realizar este tipo de material, a não ser que seja conteúdo produzido para programas da emissora.

Publicidade

A confusão

A confusão entre Casagrande e Caio Ribeiro se deu por conta de críticas que Caio fez às declarações de Raí, que pediu a renúncia de Bolsonaro e teceu fortes comentários sobre a política nacional. No programa Globo Esporte, o comentarista afirmou que o dirigente do São Paulo deveria se preocupar apenas com futebol.

Publicidade

A declaração de Caio Ribeiro acabou rendendo inúmeras críticas, e ele teve o espaço para se explicar no programa Bem Amigos. No entanto, o comentarista acabou sendo contrariado por todos os participantes da atração, o que gerou uma saia-justa, que nem mesmo a direção do programa esperava.

Publicidade

Você está dizendo que foi claro só para as pessoas que te entenderam. E para as pessoas que não te entenderam, você não foi claro? Eu discordo quando você fala que o Raí só tem que falar de futebol, que não pode falar de política. Isso é antidemocrático. Ninguém pode censurar o que o outro está falando“, disparou Casagrande.

Publicidade
Publicidade