in

Padre Reginaldo Manzotti diz se coronavírus é castigo de Deus e surpreende

UOL

Padre Reginaldo Manzotti fala sobre coronavírus e diz que doença não é castigo de Deus. Um dos religiosos mais importantes do Brasil, o Padre Reginaldo Manzotti, surpreendeu ao falar sobre a Covid-19. O religioso nega que a doença, que já matou mais de 250 mil pessoas em todo o mundo, seria um castigo de Deus. Muitas pessoas chamam o coronavírus de uma espécie de novo apocalipse, especialmente porque não há qualquer expectativas para um futuro melhor.  

Publicidade

Padre Reginaldo Manzotti comenta novo coronavírus e passa mensagem de paz a fiéis

O Padre Reginaldo Manzotti diz que é preciso ter paciência com essa fase da quarentena. Isso porque, de acordo com o líder católico, tudo vai passar. O padre, que está tendo que lidar com fazer missas sem fiéis, pede que as pessoas comecem a se preparar em como vai ser o pós-pandemia.  

“Então digo para os jovens, não percam a esperança, olhem positivamente para o futuro e trabalhem para que não vivamos algo assim novamente”, disse o religioso Padre Reginaldo Manzotti tentando passar uma imagem positiva nesse momento de dor. 

Publicidade

“É mais fácil pensar que é castigo de Deus, pois assim desvia da humanidade a responsabilidade de ações erradas”, conta Manzotti ao falar sobre o problema que assola o mundo. 

Publicidade

No Brasil, são mais de oito mil pessoas mortas por conta do coronavírus. O número  de infectados por conta da doença já ultrapassa a quantia de 110 mil pessoas. Além do Brasil, países como Estados Unidos,  Itália, Espanha estão passando momentos bastante delicados.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.