in

Acusada de falsa feminista, Marcela revela que já foi abusada: ‘nao denunciei’

Reprodução: Globo

Após a grande final do Big Brother Brasil 20, ocorrida nesta segunda-feira (27), uma declaração da campeã Thelma sobre a sister Marcela repercutiu bastante na internet. Durante uma conversa no programa Rede BBB, um bate-papo comandado por Ana Clara e Fernanda Keulla, a vencedora da vigésima edição disse que não aprovou algumas atitudes de Mc Gowan dentro do confinamento.

Publicidade

Thelma se referiu ao fato de ter sido trocada pela então amiga que, com a entrada do participante Daniel, vindo da casa de vidro, começou a se afastar de Thelminha. A campeã expressou seu sentimento de frustração não só pela amizade que tinha com a sister desde o início do programa, mas também pelo fato de Marcela ter sido uma das primeiras mulheres a citar a causa feminista dentro da casa, principalmente após o conflito com o brother Hadson.

Durante o bate-papo da Rede BBB, a médica foi bem incisiva ao citar o comportamento de sua colega de profissão, ao apontar a contradição de Marcela ao trocar uma de suas melhores amigas pelo primeiro rapaz por quem se apaixonou.

Publicidade

Após a fala de Thelminha e a grande repercussão da declaração, Marcela resolveu se pronunciar no Twitter. Em um longo desabafo feito por ela, além de rebater as críticas e acusações sobre o chamado feminismo seletivo, ela também revelou que foi abusada sexualmente há alguns anos e não foi capaz de denunciar: “[…] já fui embora chorando sem me defender quando um homem gritou comigo no trabalho, eu sou feminista e alguns anos atrás fui abusada sexualmente e não denunciei”’.

Publicidade

Apesar de ter citado o abuso sofrido, a assesoria de Marcela entrou em contato com a colunista Fábia Oliveira, do Jornal O Dia, e informou que a sister não deseja lembrar muito desse difícil momento de sua vida.

Publicidade
Publicidade
Publicidade