in

Mara Maravilha denuncia suposta doação de máscaras infectadas da China e assusta

SBT

Mara Maravilha polemiza ao acusar China de doar máscaras contaminadas. O programa Fofocalizando, do SBT, voltou a provocar polêmica ao falar sobre coronavírus. Um dia depois de Lívia Andrade retornar ao ar, após afastamento por divulgar uma fake news, foi a vez de Mara Maravilha dar uma informação que pode ser inverídica. 

Publicidade

Nesta terça-feira, 28 de abril, Mara Maravilha disse ter informações de que o governo da China teria feito uma venda ao Brasil de máscaras de proteção. No entanto, segundo a apresentadora, essas máscaras já teriam sido doadas contaminadas. Mara Maravilha não deu a informação sobre em que fosse ela recebeu essa notícia. 

“Eu comentei algo que está rolando nas redes sociais, na internet, que está vindo uma remessa da China que o governo do Brasil comprou e essas máscaras já vem com o vírus, já vem infectadas, entendeu?”, disse Mara Maravilha, que viu primeiro Cartolano discordando de forma discreta sobre a opinião da colega.

Publicidade

No momento do comentário, Mara Maravilha e os demais apresentadores do Fofocalizando falavam sobre a decisão do governo de São Paulo, que agora obriga o uso de máscaras de proteção no transporte público da capital. 

Publicidade

Lívia Andrade reage à informação dada por Mara Maravilha ao vivo

Mara Maravilha ainda recebeu um comentário de Lívia Andrade, que mostrou-se preocupada. “Acho muito louco falar um bagulho desse aí. Se sou eu que falo um bagulho desse, eu vou pro cantinho do castigo pra já. Complicado, hein Brasil”, disse Lívia Andrade, preocupada com o que poderia ocorrer com Mara, após dar a informação que ela teria lido apenas em uma rede social.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.