in

Família de Gugu inicia projetos em memória do apresentador e exclui Rose Miriam

Record TV

A família do apresentador Gugu Liberato, entende-se a mãe, Dona Maria do Céu, e a irmã, Aparecida Liberato, se reuniram com o governador de São Paulo, João Doria, no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo.

Publicidade

No encontro informal, mãe e irmã de Gugu falaram com o governador sobre projetos em nome do apresentador. Nos próximos meses, estes projetos devem começar a sair do papel.

O primeiro deles diz respeito a um instituto ou fundação que estimularia o empreendedorismo e capacitaria pessoas de baixa renda.

Publicidade

Campanha de doação de órgãos

Em vida, Gugu Liberato deixou clara sua vontade de doar os órgãos. Como teve morte cerebral, foi possível doar boa parte dos órgãos de Gugu. Á época, foi noticiado que as doações ajudariam até 50 pessoas.

Publicidade

A ideia da família de Gugu é fazer, em parceria com a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos, campanhas de doações. Após a morte de Gugu, teria aumentado o número de doadores. A ideia é estimular doações ainda em vida.

Publicidade

Rose Miriam é excluída de ação

Em guerra com a família de Gugu, a companheira do apresentador, Rose Miriam di Matteo, não foi incluída nas ações que serão feitas em nome do apresentador.

A companheira de Gugu quer ser reconhecida como esposa dele. Caso isso aconteça, haverá reviravolta na distribuição da herança do apresentador. Em testamento, Gugu deixou 25% para cada um dos três filhos.

Os 25% restantes foram distribuídos de forma igual para cada um dos cinco sobrinhos do apresentador que fez história no SBT e na Record TV.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!