in

Vídeo: repórter ganha na loteria e pede demissão ao vivo, mas se dá mal

Vogue

Repórter ganha na loteria ao vivo e pede demissão, mas volta atrás por prêmio ser baixo demais. Natalia Escudero, da RTVE, estava em uma dia comum de trabalho, quando descobriu, ao vivo, que havia ganho na loteria.

Publicidade

A alegria da repórter foi tão grande que a jornalista se demitiu ao vivo após ganhar na loteria. O problema é que o prêmio não era tão alto assim. 

Natalia Escudero, repórter da RTVE, pede demissão ao vivo após ganhar na loteria

Tudo começou quando a jovem repórter cobria a “loteria de Natal”. O prêmio estava acumulado em 4 milhões de euros. Já que estava fazendo uma matéria sobre o prêmio milionário, Natalia Escudero decidiu apostar na loteria. O valor convertido para reais é de cerca de R$ 17 milhões. 

Publicidade

Coube a própria repórter anunciar os números sorteados e, para a surpresa de todos, ela havia ganho o prêmio da loteria. A repórter vibrou ao vivo e pediu demissão após ganhar fortuna. Só que a fortuna não era tão grande assim, como a jornalista só descobriria depois. 

Publicidade

Repórter que ganhou na loteria descobre que prêmio era baixo demais e volta atrás, após pedir demissão

Veja abaixo o vídeo que mostra Natalia Escudero pedindo demissão ao vivo, após saber que ganhou na loteria européia:

Publicidade

Como sempre acontece, horas após o anúncio do prêmio, a loteria informa quantas pessoas ganharam na loteria. Foi então que a repórter que pediu demissão ao vivo descobriu que não havia ganho sozinha a bufunfa.

Dividido, o prêmio ficou em apenas R$ 22 mil. Ou seja, ela não poderia parar de trabalhar. Por meio de uma rede social, a profissional pediu desculpas por se demitir ao vivo  e disse que voltaria ao trabalho.

“Os últimos meses foram difíceis para mim por razões pessoais, e pela primeira vez a deusa da fortuna sorriu para mim”, escreveu ela. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.