in

Cid Moreira diz que briga com os filhos na Justiça é o preço que ele paga pela fama: ‘Fui jogado no lixo’

O jornalista afirma que é muito bem cuidado pela sua esposa e, que os filhos querem o seu dinheiro.

Filipi Dahrlan/ QUEM

Cid Moreira, que atualmente está com 94 anos, tem convicção que não vai se reconciliar com os filhos, Roger e Rodrigo. Ambos entrarão na Justiça com uma ação para que o idoso seja interditado.

Publicidade

Os herdeiros alegam que o jornalista está com problemas psiquiátricos e vem sendo maltratado e é mantido refém pela sua atual esposa, Fátima Sampaio. Durante entrevista para a revista Quem, o apresentador declarou que o assunto já está resolvido.

Na ocasião, Cid declarou: “Não tenho interesse em me aproximar. Fui desonrado. Estou assistindo um seriado chamado Resurrection, que fala muito de honra, de palavra. Eu fui jogado no lixo por causa de dinheiro”.

Publicidade


Segundo ele, já é a segunda vez que eles tentam fazer isso. Na primeira, não tiveram muito sucesso em serem ouvidos. Já na segunda, o caso ganhou muita repercussão na internet e mesmo sem provas, os filhos conseguiram chamar a atenção da mídia.

Publicidade

Cid deixou claro que arcou sempre com os seus compromissos. O veterano declarou que trabalhou muito e nunca foi processado por deixar de pagar algo. Logo, ninguém tem o direito de ficar falando dele.

Publicidade

O jornalista enfatizou que sua esposa cuida muito bem dele e não faz sentido ele ser interditado nesse momento. Para ele, essa situação difícil que está passando é um preço que ele paga por ser famoso.

O ex-âncora do Jornal Nacional contou como conheceu seu filho adotivo: Roger. Ele relatou que ele é sobrinho da sua ex-esposa, quando era jovem, trabalhava com som. Na época em que Cid começou gravar a Bíblia, foi com a ajuda de Roger. Mas o trabalho do rapaz já não estava o agradando mais, por isso, o dispensou. Sua ex, o incentivou para ele adotar Roger e, assim ele fez.

Publicidade