in

Resultado do teste de DNA envolvendo Gusttavo Lima e Eloá Soares é divulgado; cantor é pai de uma adolescente?

O colunista Leo Dias, do Metrópoles, divulgou em primeira mão o resultado de um teste de DNA envolvendo o cantor Gusttavo Lima.

ISTO É | REPRODUÇÃO

Saiu o resultado do teste de paternidade envolvendo o cantor Gusttavo Lima e Eloá Soares. Em fevereiro, a farmacêutica afirmou ter engravidado do sertanejo quando tinha apenas 16 anos. Agora, o colunista Leo Dias divulgou em primeira mão o desfecho desta história.

Publicidade

Segundo Leo Dias, que teve acesso ao teste de DNA, o documento deu negativo e, assim, Gusttavo Lima não seria pai da filha de Eloá Soares. O colunista do Metrópoles contou ter tentado contato com o advogado do famoso assim que soube que o resultado do exame estava disponível, contudo, não teve sucesso.

Mesmo assim, o jornalista não desistiu e foi em busca de suas fontes e, assim, acabou tendo a resposta tão aguardada por muitos.

Publicidade

As amostras de sangue colhidas do cantor e da filha de Eloá teriam sido analisadas por duas vezes e por equipes diferentes para que houvesse prova e contraprova do resultado, que é negativo.

Publicidade

Vale lembrar que o próprio Gusttavo Lima chegou a cogitar ser o pai biológico da adolescente na época em que o caso veio à tona.

Publicidade

De acordo com Eloá, ela e o sertanejo se conheceram em Franca, no interior de São Paulo, em uma escola de música. A farmacêutica afirmou ter se encontrado com o cantor em setembro de 2004, quando ela tinha apenas 16 anos. Na época, Lima estava com 15.

Após o relato de Eloá, a equipe do cantor emitiu um comunicado dando a versão do sertanejo sobre o caso. Foi afirmado que ele tinha apenas 15 anos, na época em que a farmacêutica afirmou ter o encontrado.

Na ocasião, o cantor vivia com os pais em uma comunidade rural localizada no interior de Minas Gerais e, por falta de recursos financeiros, o sertanejo nem ao menos conhecia o interior paulista na época. “Portanto, a história levantada não procede”, enfatizou o comunicado.

Publicidade