in

Manu Gavassi é processada por campanha pró-Lula em show: ‘Showmício’

A ex-BBB utilizou seu show para declarar apoio ao candidato à presidência, antes do período permitido.

(Foto: Portal POPline e Twitter/@riancoments)

A cantora e ex-BBB Manu Gavassi foi processada após declarar abertamente apoio à candidatura do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. Ela utilizou um show em que estava cantando para expor sua admiração pelo ex-presidente e declarar que apoia sua eleição.

Publicidade

No show, que aconteceu no último dia 22 de julho, a cantora, de 29 anos, abriu uma toalha vermelha e branca que tinha a imagem de Lula estampada na frente e, no fundo do palco, colocou uma bandeira vermelha com uma estrela branca no telão, essa imagem é o símbolo do Partido dos Trabalhadores. O show que aconteceu em Natal, Rio Grande do Norte foi filmado e compartilhado por muitas pessoas.

O vereador Rubinho Nunes (UB-SP) e a coordenadora, Amanda Vettorazzo, não concordaram com a atitude da ex-BBB e abriram um processo contra ela por fazer campanha política antecipada, o que para a lei eleitoral é passível de punição.

Publicidade

Ela foi processada por fazer campanha política antes do período estabelecido

Publicidade

Através de sua conta no Twitter, o vereador compartilhou sua posição, ele disse haver processado a cantora e explicou o motivo. “Acionei a Justiça contra a ex-BBB por fazer campanha antecipada pró-Lula em showmício disfarçado de evento cultural. Seja por bem ou por mal, todos vão respeitar as regras eleitorais! Vamos pra cima”, afirmou ele.

Publicidade

Além da campanha no show, Manu também compartilhou as fotos do evento em seu perfil no Instagram, onde declarou mais uma vez seu posicionamento político. Na mesma plataforma ela marcou o ex-presidente Lula em sua postagem.

Vereador pede que Manu e Lula paguem multa

Segundo o político, a marcação da postagem mencionando o ex-presidente Lula indica que o mesmo está ciente da campanha política antecipada que o beneficia e nada fez em relação a isso. O vereador ainda destacou que essa movimentação, dita cultural movimentou a mídia e deve ser punida, pois ainda não chegou o tempo de acontecer publicamente a campanha presidencial. Com o processo o vereador solicita que as postagens da cantora sejam apagadas, assim como, seja realizado o pagamento de multa tanto para a cantora, quando para o ex-presidente. 

Publicidade

Escrito por Tati Jesus

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.