in

No Fantástico, pai de Luva de Pedreiro se emociona ao relatar ameaças de ex-empresário do filho: ‘Enganação’

O homem simples e analfabeto declarou que se sentiu enganado pelo ex-empresário.

Globo

Seu Vadinho, apelido do pai do Luva de Pedreiro, ficou aos prantos ao falar sobre as ameaças que recebeu de Allan Jesus, ex-empresário do herdeiro. Na noite de ontem (17), o Fantástico mostrou uma reportagem falando sobre a situação que levou o influenciador a ficar responsável por pagar uma multa no valor de R$ 5,2 milhões por rescindir o contrato. Allan Jesus tinha nas mãos uma liminar que proibia a emissora carioca de exibir os detalhes do contrato, no entanto, a Globo recorreu e teve êxito em derrubar a censura.

Publicidade

Por não saber ler, o pai do rapaz acusou o ex-empresário de fazer com que eles ficassem reféns do seu trabalho. Segundo Vadinho, quando o baiano dizia querer sair, Allan falava que isso não seria possível, porque a família não tinha dinheiro para pagar a multa. “O que eu sinto mais é isso, a enganação que ele fez. Me senti muito enganado”, falou ele durante a reportagem.

Quando foi indagado pelo repórter sobre o que de fato estava escrito no contrato no momento em que ele o assinou, o rapaz disse que não conseguiu entender nada e concordou mesmo sem saber do que se tratava, além de não ter levado um advogado com ele.

Publicidade

Irmã do famoso, Gabriela declarou que o irmão não tem muito conhecimento para ler, e os pais são analfabetos. Segundo ela, sempre ficou responsável por ajudar o rapaz a criar as legendas e responder os comentários dos fãs na internet, já que ele não sabia ler nem escrever muito bem.

Publicidade

Já Allan afirma que Iran sempre esteve ciente sobre tudo que estava escrito no contrato, inclusive, sobre o valor alto da multa caso ele decidisse rescindir. O ex-empresário disse que explicou para ele como as coisas iriam funcionar, além de ter feito a leitura do documento junto com ele.

Publicidade
Publicidade