in

José de Abreu afirma que foi esquecido e ignorado na versão original de Pantaanal

Seu personagem, o terapeuta Gustavo fez uma viagem e jamais retornou à história.

Divulgação / TV Globo

José de Abreu, que retornará às novelas interpretando o Coronel Tertúlio em Mar do Sertão, história de Mário Teixeira, que ocupará a faixa das 18 horas da Rede Globo, revelou que, embora muita gente não saiba, integrou o elenco da versão original de Pantanal exibida pela extinta TV Manchete em 1990.

Publicidade

O ator, de 76 anos, que coleciona declarações polêmicas sobre os mais variados assuntos, afirma que na história de Benedito Ruy Barbosa, que teve direção de Jayme Monjardim, viveu o terapeuta Gustavo.

Porém, seu personagem realizou uma viagem sem volta e jamais retornou à trama, que obteve, na época, um enorme sucesso de público e crítica.

Publicidade

Segundo o veterano ator, que considera um “Descaso”, o que foi feito com ele, pois além de ignorado, o seu papel também foi esquecido e o terapeuta Gustavo deixou a história sem maiores explicações.

Publicidade

Ele também afirma que durante as cenas passadas no Rio de Janeiro,  onde seu personagem vivia, os índices de audiência não atingiam os índices de audiência esperados pela emissora.

Publicidade

Para reverter essa situação, as cenas gravadas no Pantanal aumentaram e o núcleo carioca foi diminuindo cada vez mais.

O ator também conta que durante esse período foi convidado para atuar na minissérie O Canto das Sereias e que nos capítulos finais de Pantanal, seu personagem voltaria à história de Benedito Ruy Barbosa, mas nada disso acabou acontecendo.

Para cobrar uma posição, José de Abreu chegou a telefonar para o diretor Jayme Monjardim, que se limitou a declarar: ‘Ih, caramba, esqueci de você”  e dessa forma, deu o assunto por encerrado.

Publicidade