in

Globo é investigada por racismo com atrizes negras de novela; Roberta Rodrigues presta depoimento

Roberta Rodrigues, uma das autoras das denúncias contra a emissora, teria sido ouvida na terça-feira (12). Ao menos 8 pessoas foram intimadas.

Reprodução / Instagram

A Rede Globo é alvo de uma investigação do Ministério Público do Trabalho do Rio de Janeiro (MPT-RJ), que apura suposta prática de racismo contra algumas atrizes da novela Nos Tempos do Imperados.

Publicidade

De acordo com informações da colunista Monica Bergamo, do Folha de S. Paulo, a atriz Roberta Rodrigues foi ouvida na última terça-feira (12). Ela seria uma das autoras da denúncia.

Ainda segundo a matéria, além de Roberta, a atriz Dani Ornellas também é uma das autoras da denúncia, revelada pelo jornal em fevereiro.

Publicidade

Ao que tudo indica, a ação deve abranger a liderança do núcleo de dramaturgia da emissora carioca, inclusive, ao menos oito pessoas já teriam sido intimadas pelo Ministério Público do Trabalho. Entre os intimados, estão diretores e outros funcionários da produção da novela que, agora, deverão prestar seus depoimentos.

Publicidade

Outra queixa que também será investigada pelo MPT seria supostos salários mais altos recebidos por atores brancos pelos mesmos trabalhos exercidos por seus colegas negros. Segundo informações, uma atriz com anos de carreira afirmou ter recebido valores inferiores aos recebidos por atrizes brancas iniciantes e que tiveram poucas participações na trama.

Publicidade

Globo afirma desconhecer a investigação

Após a repercussão do caso, a equipe do IstoÉ procurou a emissora carioca, que se pronunciou através de nota afirmando não ter conhecimento do processo e não tolerar preconceito racial. A Globo diz ter um código de ética que proíbe discriminação e, diante disso, pune de forma severa todas as violações apuradas.

Publicidade