in

Após trocar de empresário, Luva de Pedreiro finalmente recebe as chaves de sua casa nova: ‘É uma mansão’

A versão do jovem influenciador será contada nesse domingo, tanto na Globo, quanto na Record.

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM/TV GLOBO

Nas últimas semanas, a informação de que o influencer conhecido como Luva de Pedreiro continuava morando em uma casinha humilde, mesmo após colecionar milhões de seguidores, chocou as redes sociais. O rapaz acabou rompendo com seu empresário, Allan Jesus, e contará a sua versão dos fatos pela primeira vez nesse domingo (03/07).

Publicidade

O jovem deu uma entrevista para o repórter Roberto Cabrini, que irá ao ar no Domingo Espetacular (Record TV) explicando que se sente enganado pelo ex-empresário. Luva afirmou que Allan Jesus sempre disse que iria ajudá-lo, mas que ele não via nada.

Além de ter falado com a Record TV, o influenciador também será matéria do Fantástico, da TV Globo. O dominical global mostrará em primeira mão a nova casa do Luva de Pedreiro, que recebeu as chaves do imóvel na última sexta-feira (01/07).

Publicidade

A casa, no litoral sul de Pernambuco, foi alugada pelos novos empresários do influencer, que tem entre eles Falcão, considerado por muitos como o maior jogador de futsal de todos os tempos. “A casa é magnífica”, disse Luva de Pedreiro ao Fantástico.

Publicidade

Na matéria do dominical, o repórter Maurício Ferraz questionou Seu Vadinho, pai do influenciador, se a nova casa era bem diferente do imóvel onde moravam anteriormente, e Seu Vadinho respondeu que as duas residências nem se comparam. Aqui não é uma casa, é uma mansão“, afirmou o pai do influenciador.

Publicidade

Luva de Pedreiro surgiu na internet com vídeos em que bate pênaltis e faltas em um campinho de terra na zona rural de Quijingue, na Bahia. Os vídeos viralizaram e hoje, só no Instagram, o garoto conta com mais de 15 milhões de seguidores.

Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com