in

Bonner e Renata confirmam notícia triste ao vivo no Jornal Nacional: ‘uma tragédia’

Apresentadores levaram ao ar manchete sobre tragédia que causou mais de 50 mortes.

Reprodução Globo

William Bonner e Renata Vasconcellos encheram o Brasil de notícias ao apresentarem o Jornal Nacional desta terça-feira (28). Os âncoras levaram ao ar notícias importantes de coisas que aconteceram no país e no mundo. Uma das notícias que mais chamou a atenção envolveu muitas mortes.

Publicidade

“Uma tragédia no estado do Texas. Cinquenta e um imigrantes morrem dentro de um caminhão”, anunciou Bonner em meio à escalada de notícias do principal telejornal da TV brasileira. O JN exibiu reportagem sobre o caso. As autoridades do estado americano estão investigando para saber o que aconteceu.

Além dessa notícia, algumas outras foram exibidas pelo Jornal Nacional. Logo na abertura do Jornal Nacional, após o tradicional “boa noite”, Bonner e Renata informaram que a oposição ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) está tentando abrir uma CPI para apurar suposto caso de corrupção no MEC.

Publicidade

Senadores querem que seja investigado também tráfico de influência dentro do Ministério da Educação. A ministra Carmen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal, pediu para a Procuradoria-Geral da República se manifestar. 

Publicidade

Nos Estados Unidos, uma nova testemunha depôs sobre a invasão do Capitólio por apoiadores do ex-presidente Donald Trump. De acordo com essa testemunha, Trump teria tentado se juntar aos manifestantes, mas foi impedido por um segurança.

Publicidade

Por fim, em outra notícia importante que aconteceu fora do Brasil, a Turquia apoiou a adesão da Suécia e da Finlândia à Otan. A Ucrânia, que tentava entrar para a Otan, foi atacada e invadida pela Rússia.

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!