in

Leo Dias pede perdão para Klara Castanho, afirma que a expôs para duas pessoas e diz que se ofereceu para adotar o bebê

O colunista do site Metrópoles afirmou que não deveria ter publicado nada a respeito do que aconteceu com a atriz.

Foto: Reprodução/ Joven Pan | Instagram/ Klara Castanho

O colunista Leo Dias, do site Metrópoles pediu perdão para Klara Castanho por conta de toda a exposição que a atriz sofreu nos últimos dias após a revelação de que ela teve um bebê e o entregou para a adoção. Não foi o colunista que divulgou o episódio publicamente, mas ele vem sendo acusado na web de ter sido a primeira pessoa da imprensa a saber do fato e espalhar a história para outras pessoas.

Publicidade

De fato, Leo Dias confidenciou em sua coluna que ficou sabendo do que havia acontecido quando a atriz ainda estava no hospital. O colunista afirmou que foi procurado por uma profissional que trabalhava no local que queria denunciar a situação atípica. A mulher, que pediu para não ser identificada, contou todos os detalhes para o colunista.

Em seu pedido de desculpas, Léo Dias afirma que ligou para Klara Castanho naquele mesmo dia e a partir dessa conversa o colunista ficou sabendo que a atriz havia sofrido abuso sexual, e que por conta do relato de Klara ser tão impactante, se comprometeu a não publicar nada sobre o fato.

Publicidade

Aquela história era tão perturbadora, que, em um ato irrefletido, me ofereci para adotar a criança“, disse o colunista em seu pedido de perdão.

Publicidade

Apesar de não ter publicado nada na época em que os fatos ocorreram, Leo Dias afirmou que confidenciou a história para outras pessoas: “Esta história não saiu da minha cabeça. Confidenciei isso a duas pessoas próximas“, disse o colunista.

Publicidade

Leo Dias afirmou que só veio a escrever os detalhes sobre o nascimento do bebê após a própria atriz se manifestar em suas redes, mas ele próprio afirma que isso foi um erro: “Eu não deveria ter escrito nenhuma linha sobre esta história ou ter feito qualquer comentário sobre algo que não tenho o direito de opinar“, disse o colunista.

Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com