in

Jornalista com câncer terminal emociona com desabafo: ‘Frustrada’

A apresentadora Deborah James desabafou em entrevista após decidir interromper o tratamento que fazia há seis anos.

Reprodução Estadão

A jornalista britânica Deborah James desabafou nas redes sociais sobre como está se sentindo após ter começado a receber cuidados paliativos em meio a uma batalha contra um câncer no intestino.

Publicidade

Em maio, Deborah James, de 40 anos, que comanda um podcast da BBC, compartilhou nas redes sociais uma mensagem emocionante dizendo que havia decidido encerrar o tratamento que realizava há seis anos, destacando que seu corpo não aguentava mais lutar.

Ainda por meio das redes sociais, Deborah James aproveitou para pedir que os fãs fizessem uma doação para a fundação Bowelbabe que, desde então, já arrecadou £ 6.7350.000, cerca de R$ 42 milhões em moeda brasileira na conversão atual.

Publicidade

Em conversa ao The Sun, a jornalista, que chegou a ser condecorada pela rainha Elizabeth após a repercussão internacional da notícia, admitiu sentir raiva da doença.

Publicidade

A apresentadora disse que morrer é imensamente difícil e afirmou que tinha sido tomada pela raiva. “Eu estava insuportável”, contou James, dizendo que continuava gritando com todos e afastando as pessoas dela. “Eu não quero morrer”, enfatizou Deborah, ressaltando estar triste pelo que está acontecendo com ela.

Publicidade

Deborah diz não haver maneira certa ou errada de morrer, por isso, vem tentando fazer as coisas do seu próprio jeito. “Estou frustrada com minha situação”, enfatizou a jornalista, dizendo achar que nunca vai aceitar isso de verdade.

Além disso, a comunicadora ainda contou que quando saiu do hospital os médicos lhe deram de alguns dias a uma semana de vida, contudo, ela diz ainda estar aqui.

Publicidade