in

Influenciadora acusa Edi Rock, do Racionais MCs, de abuso sexual: ‘Que você apodreça por dentro’

A influenciadora digital Juliana Thaisa usou as redes sociais para tornar pública uma denúncia feita contra o rapper Edi Rock.

Leonardo Muniz/Divulgação

O rapper Edi Rock, do Racionais MCs, usou as redes sociais para rebater acusações de estupro feitas contra ele por Juliana Thaisa, influenciadora digital, conselheira sexual e doula de parto.

Publicidade

Por meio do Instagram, Juliana desabafou e tornou pública uma acusação de assédio sexual feita por ela contra Edi Rock, cujo o inquérito acabou sendo arquivado pela Justiça. Em várias publicações, a suposta vítima expôs vídeos que mostram o rapper nos corredores do prédio em que ela reside. Nas imagens, é possível ver, além das movimentações de Edivaldo Pereira Alves, alguns funcionários do local que teriam tentado ajudar Thaisa.

Nas redes sociais, Juliana contou ter tentado fugir de casa com a filha, contudo, teria sido impedida pelo cantor. Citando Edi Rock, Juliana Thaisa afirmou desejar do fundo de sua alma que o rapper pague em vida por tudo que a causou e que a vida dele seja destruída. “Que você apodreça por dentro”, desabafou.

Publicidade

E mais, Juliana disse que “os bastidores do rap é podre” e afirmou existir muitas mulheres que vêm carregando suas dores em silêncio por sentirem medo.

Publicidade

Publicidade

Edi Rock se pronuncia

Após a repercussão do desabafo de Juliana, o rapper usou o Twitter para publicar uma breve mensagem sobre o assunto.

Edi Rock destacou que as acusações que estão sendo feitas contra ele nas redes sociais já foram comprovadas judicialmente que não passam de mentira. O famoso afirmou que seus advogados já tomaram as medidas cabíveis referente a narrativa “ilegítima e caluniosa” feita contra ele.

Publicidade