in

Luciano Huck está disposto a deixar a Globo para disputar eleições para a presidência

TV Globo

Em 2018 muito se falou sobre o futuro político do apresentador de TV, Luciano Huck. Após ele dar uma entrevista explicitando sua opinião política e ser visto em eventos com líderes de partidos, surgiram rumores de que ele se candidataria a presidência da República, mas ele negou a possibilidade e de fato, não concorreu a nenhum cargo nas eleições passadas.

Publicidade

Em meio a insatisfação contra o atual governo, que segundo pesquisas, tem aumentado, Luciano estaria se dedicando pela disputa. Segundo Tales Faria, do UOL, Luciano já teria comunicado líderes do PSDB, DEM e Cidadania, na última segunda-feira, 23, que está disposto a se afastar da TV Globo para disputar as próximas eleições de 2022.

Conforme informações do blog de Tales, estavam presentes na reunião, o economista Armínio Fraga, o ex-presidente da República, Fernando Henrique, presidentes de partidos e movimentos, e Rodrigo Maia, atual presidente da Câmara dos Deputados e, que segundo rumores de colunas políticas, não teria uma boa relação com o Bolsonaro.

Publicidade

Luciano já espera que a TV Globo o vete de se quadro de funcionários quando confirmar sua candidatura, mas isso não seria mais um problema. Huck está disposto a pagar o preço por sua escolha.

Publicidade

Primeiro passo para Luciano Huck nas eleições

O apresentador e seus aliados passarão por um teste de popularidade dos partidos envolvidos nas eleições de 2020. Na ocasião, eles almejam empossar mais de 4 mil vereadores no Brasil, a fim de que eles possam encabeçar a campanha do pré-presidenciável.

Publicidade

Além disso, a aliança entre PSDB, DEM e Cidadania precisa de um bom resultado nas eleições municipais para fortalecer a aliança e bater de frente com partidos conhecidos. Outro ponto que será de suma importância para definir o futuro de Huck será a popularidade de outros pré-candidatos, como João Doria, governador de São Paulo que defendeu Bolsonaro nas eleições passadas, mas que atualmente tem feito várias críticas aos posicionamentos polêmicos do governo.

O blog salienta que o afastamento de Huck da Globo, além de ser só uma possibilidade, não seria algo formal. Isso porque Bolsonaro é o principal político da atualidade a atacar a emissora, de forma que a empresa carioca poderia se beneficiar, caso fique ao lado de Huck em uma eventual candidatura.

Publicidade

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades