in

Traída, humilhada, expulsa de casa e novo nome: Maria Bruaca tem fim trágico em Pantanal

Maria Bruaca enfrentará momentos de caos após Tenório descobrir que foi traído.

Foto: Reprodução/ TV Globo

Em Pantanal, Maria Bruaca sempre foi uma mulher fiel ao marido, que sempre se dedicou aos cuidados da casa e da criação da filha. No entanto, após descobrir que foi traída durante todo seu casamento, a interiorana se rebelou e mostrou que não é mais uma mulher submissa ao marido.

Publicidade

A dona de casa tem mostrado seu lado ousado e está conquistando todos os peões da fazenda. Contudo, Maria Bruaca se dará mal, pois Tenório descobrirá que está sendo traído pela esposa e colocará ela para correr.

Tenório chegará de viagem quando pegará a esposa no quarto de Alcides. Furioso, o vilão não terá dó da mulher e a expulsará de casa. Guta ficará muito preocupada com a mãe, já que ela não tem para onde ir. Na ocasião, Maria Bruaca ameaçará o crápula e tentará matá-lo. A dona de casa pegará uma arma e atirará no vilão. Entretanto, ela errará o alvo e será escorraçada da fazenda com uma mão na frente e a outra atrás.

Publicidade

Sem ter onde ficar, a dona de casa irá morar em uma chalana e ficará vagando pelas águas do Pantanal. Maria Bruaca morará no barco por vários meses e ficará conhecida como Maria da Chalana. O boato do fim de seu casamento com Tenório se espalhará pelo bioma até que ela receberá uma ajuda de um personagem inesperado.

Publicidade

A interiorana receberá ajuda do inimigo do pai de sua filha, o fazendeiro José Leôncio. O Rei do Gado se solidarizará com a situação de Maria Bruaca e a acolherá em sua casa. Ele a oferecerá seu advogado para processar Tenório, já que ela tem direito aos bens do marido. A dona de casa será instruída e descobrirá seus direitos como esposa. Entretanto, Tenório ficará furioso quando descobrir que ela o processará. O vilão culpará José Leôncio e jurará vingança contra o fazendeiro e toda sua família.

Publicidade

Publicidade