in

Show de Wesley Safadão em Alagoas pago com dinheiro público é cancelado pela Justiça

A festa está prevista para acontecer dia 12 de julho, na cidade de Viçosa, Alagoas.

Divulgação Wesley Safadão

Wesley Safadão teve show cancelado por decisão da Justiça, na cidade de Viçosa, Alagoas. O evento está previsto para o dia 12 de junho. Segundo o Ministério Público do estado do Alagoas, a decisão foi tomara em razão do valor pelo cachê do cantor.

Publicidade

O show custa em média de R$ 600 mil e a cidade conta com 25 mil habitantes. O evento é uma festa junina municipal. Segundo a assessoria do MP, o valor previsto para ser gasto no evento é o mesmo para pagar 160 professores ou 200 enfermeiros municipais.

A Juíza Juliana Batistela, responsável pelo caso, determinou que os valores dos contratos para o evento da festa junina da cidade de Viçosa são no limite de R$ 20 mil por cantor, se a contratação for feita pelo município e R$ 50 mil, caso a contratação seja pelo estado. Além disso, os gastos com o evento terá o limite de R$ 100 mil para a prefeitura e R$ 500 mil para o estado.

Publicidade

Determinou ainda, que caso tenha ocorrido a contratação, deverá realizar o cancelamento. A fundamentação da juíza foi em razão das fortes chuvas que assolam o estado do Alagoas, tendo em vista que o estado se encontra em situação de calamidade.

Publicidade

A decisão foi em caráter de urgência, o processo seguirá todos os trâmites até o final e, segundo o G1, o estado e o município vão recorrer a decisão com a finalidade de mudar a decisão da Justiça.

Publicidade

Outros cantores sertanejos estão sendo investigados pelo Ministério Público, pelo mesmo motivo: os altos valores do cachê. Alguns cantores tiveram os contratos cancelados, tais como Gusttavo Lima, Zé Neto, Simone e Simaria e, agora, Wesley Safadão. 

Publicidade