in

Em prantos, Carlinhos Maia fala sobre culpados pela invasão à sua casa: ‘Descobrir que é alguém conhecido’

O influenciador apareceu nitidamente abalado em seu Instagram e desabafou sobre o acontecido do último sábado, quando teve sua casa invadida.

reprodução: uol / subcelebrities

Na noite do último sábado (28), o influenciador digital Carlinhos Maia teve sua casa invadida e diversos itens furtados enquanto passava por uma preparação para a realização de uma cirurgia plástica em um hospital da cidade de Aracaju. Entre os pertences furtados, estão: um colar de diamantes, um relógio de luxo e uma mochila de grife.

Publicidade

De acordo com a equipe policial responsável pelo caso, a partir das imagens obtidas nas investigações, o furto foi realizado por um casal.

Na tarde desta terça-feira (31), Carlinhos Maia apareceu, nitidamente abalado, em seus stories do Instagram, e gravou uma sequência de vídeos em que fala sobre o ocorrido.

Publicidade

Angústia

Publicidade

Na ocasião, o humorista mostrou um presente que recebeu após o acontecido, uma imagem de Nossa Senhora, acompanhada de algumas flores, e desabafou sobre o medo que sente de descobrir que a invasão de sua casa tenha sido realizada por algum conhecido: “Minha agonia maior é descobrir que é alguém conhecido, gente que eu possa ter ajudado, recebido na minha casa”, confessou.

Publicidade

Além disso, Carlinhos pediu que seus fãs continuem rezando para que dê tudo certo em relação ao caso. De acordo com o influenciador, sua maior angústia não é oriunda dos pertences que foram furtados, mas sim da possibilidade a situação ter se dado por alguém que está ao seu lado.

Medo de estar em casa

Chorando, o humorista também tentou tranquilizar seus fãs, solicitando que eles não fiquem preocupados, já que a polícia já possui pistas sobre os culpados. Carlinhos também desabafou sobre o medo que tem de não se sentir seguro em casa novamente após o acontecido.

Até o momento, além das imagens das câmeras de segurança, a polícia investiga outras provas e tenta descobrir se, além do casal citado anteriormente, há mais algum envolvido no crime.

Publicidade