in

Filha de Ana Maria, que vive longe do luxo, explica escolhas e detona ostentação: ‘A sociedade está doente’

A professora Mariana Maffeis vive bem longe dos holofotes junto ao marido e filhos.

REPRODUÇÃO TV GLOBO / ANA MARIA BRAGA / INSTAGRAM MARIANA MAFFEIS

Mariana Maffeis, filha da apresentadora Ana Maria Braga, já há algum tempo chama a atenção em suas redes sociais pela forma simples que vive, muito diferente do que o público imagina de um filho de um funcionário da TV Globo. Professora de ioga, Mariana compartilha cliques de sua vida rural, no interior de São Paulo, onde vive com seu marido, o também professor Badarik González, com seus filhos e também animais.

Publicidade

Em sua última publicação, Mariana Maffeis informou seus seguidores que eles irão se decepcionar se ficarem esperando por fotos de sua mãe famosa. A professora de ioga admitiu que muita gente a segue por conta de seu parentesco com a apresentadora, mas contou que, quando está com sua mãe, não é muito de tirar fotos. “Prefiro guardar nossos momentos na memória da alma“, disse ela.

Mariana, no entanto, teve um momento tão especial com Ana, que achou que merecia um registro. Na foto, a apresentadora famosa aparece sem sua tradicional maquiagem e com seu neto Varuna, de apenas 11 meses, no colo. “Que sorte poder ver um filho no colo da avó mais especial do mundo. Te amo infinito“, escreveu a filha de Ana Maria Braga.

Publicidade

Nos comentários da postagem, alguns seguidores elogiaram a vida sem glamour de Mariana, e criticaram quem vive ostentando nas redes sociais. “O povo acha que é interessante mostrar glamour e muitas vezes uma vida que não vive“, escreveu um seguidor. Mariana concordou com o comentário e disse mais: “A sociedade está doente“.

Publicidade

No momento, a mãe de Mariana está afastada de seu programa na TV Globo, por motivos de saúde.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com