in

Karina Bacchi se defende após ser apontada como culpada pelo fim do casamento: ‘palavra de Deus nos pede’

Podcaster se separou do marido e foi criticada por suposto fanatismo religioso.

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Karina Bacchi e Amaury Nunes não estão mais juntos. A notícia pegou a todos de surpresa na semana passada, quando a separação foi revelada pelo colunista Léo Dias, do Metrópoles. Karina Bacchi passou a ser alvo de algumas pessoas nas redes sociais.

Publicidade

Foi indicado que o motivo da separação teria sido o suposto fanatismo religioso da artista, que estava dedicada à igreja e à leitura da Bíblia. Amaury se converteu à fé evangélica também, mas seria menos assíduo que a agora ex-esposa. Karina foi muito criticada.

No Instagram, há muitas postagens dela lendo a Bíblia. Praticamente tudo o que ela posta tem ligação com a religião. Em seu podcast, o Positivamente, Karina entrevistou a ex-jogadora de vôlei Paula Barros e abriu o jogo. A artista fez uma defesa de sua fé.

Publicidade

Karina afirmou que hoje em dia está difícil expor opiniões, mesmo que elas não sejam direcionadas contra  ninguém. Para a atriz, parece ser proibido até mesmo falar da própria vida e das próprias escolhas.

Publicidade

Segundo ela, muitos cristãos estão sendo desencorajados a falar de sua fé porque algumas pessoas entendem isso como falar contra a fé do outro. “A Palavra de Deus nos pede para que a gente se comunique e transmita a Palavra”, explicou Karina Bacchi.

Publicidade

No podcast Positivamente, Karina entrevista evangélicos famosos. Pastores, cantores e influenciadores já passaram pelo sofá da loira. Karina sempre se mostra disposta a aprender. Com o fim do casamento com Amaury, o filho do casal, Enrico – que foi gerado por Karina em gravidez solo, mas depois foi registrado por Amaury – está com a mãe.

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!