in

‘Minha filha me condena, mas vamos esperar a Justiça’: Paulo Cupertino fala pela primeira vez após prisão

Confrontado pela imprensa, empresário se pronunciou após ser encontrado e detido pela polícia.

Reprodução: RecordTV / Redes sociais

Nesta segunda-feira (16), Paulo Cupertino foi preso pela polícia após quase três anos de fuga. Com aparência diferente da qual foi divulgada nos últimos anos, o suspeito de tirar a vida do ator Rafael Miguel e seus pais foi confrontado pela imprensa e falou pela primeira vez após prisão. O empresário afirmou ser inocente e citou a filha, que namorava o artista à época.

Publicidade

Na chegada ao Departamento de Homicídios de São Paulo, Paulo Cupertino foi rodeado pela imprensa e acabou respondendo alguns questionamentos feitos. Indagado pelo crime que teria cometido contra Rafael Miguel e os pais, o empresário falou em Justiça e negou que tenha cometido os assassinatos.

“Eu sou inocente. A minha filha me condena, mas vamos esperar a Justiça para saber a verdade. Olha minha filha ontem e olha hoje”, disparou o empresário diante da imprensa. De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil, Osvaldo Nico Gonçalves, que colheu o primeiro interrogatório do suspeito, Paulo Cupertino estaria com a consciência tranquila após prisão.

Publicidade

O delegado-geral informou que Paulo Cupertino chegou a dizer que a filha estaria bem mais feliz agora do que na época em que namorava com Rafael Miguel. Segundo as primeiras investigações, o suspeito seria contra o namoro da jovem com o ator.

Publicidade

Após anúncio da prisão do pai,  Isabela Tibcherani usou as redes sociais para se manifestar pela primeira vez após o ocorrido. A filha de Paulo Cupertino disse que não conseguia falar muito sobre o assunto, mas aproveitou a ocasião para agradecer o carinho que estava recebendo de internautas.

Publicidade
Publicidade