in

Audiência de Casos de Família continua despencando e o programa já corre o risco de sair do ar

O SBT considera a situação alarmante e inadmissível e a atração é considerada a menos assistida da emissora.

Gerou Buzz

No ar desde 18 de maio de 2004, e com Christina Rocha no seu comando a partir de 2009, o Casos de Família, programa que o SBT passou a exibir na faixa das 14h20 após mais uma mudança na grade de programação, o que ocorreu em novembro de 2021, corre o sério risco de sair do ar devido os baixos índices de audiência que continuam despencando.

Publicidade

A atração é constantemente apontada como a menos assistida do SBT, chegando até a perder para os programas que são exibidos no horário da madrugada.

Sem desanimar, a produção do Casos de Família, em mais uma tentativa para reverter a situação, segue empenhada em despertar o interesse do público telespectador através da participação de convidados famosos para debaterem os vários casos apresentados em cada edição. Porém, a empreitada, nem de longe, surtiu o efeito desejado como todos esperavam.

Publicidade

Muitos dos envolvidos no programa, que não poucos, já afirmaram que as várias mudanças de horário causaram esses problemas, que não são difíceis de serem resolvidos.

Publicidade

Há muito tempo, a alta direção do SBT considera a situação como alarmante e inadmissível e se o Casos de Família não esboçar nenhuma reação frente à nova grade de programação vespertina  da emissora, medidas drásticas deverão ser tomadas.

Publicidade

Sendo assim, apesar dos lucros que proporciona ao canal, o programa pode sair definitivamente do ar. A partir desta segunda-feira, 16 de maio, o Casos de Família passará a ser exibido a partir das 15 horas em mais uma  iniciativa de recuperar os índices de audiência.

Publicidade