in

Acusado de dirigir em alta velocidade, motorista de Conrado e Aleksandro se defende: ‘Sei que não tenho culpa’

O acidente aconteceu na rodovia Regis Bittencourt e deixou seis mortos.

Record

O condutor do veículo da dupla Conrado e Aleksandro, Valdoir Euripedes da Silva relatou alguns detalhes da noite em que aconteceu o acidente que tirou a vida de um dos sertanejos e outras cinco pessoas no último dia 7.

Publicidade

Durante entrevista para o Domingo Espetacular, que será exibida amanhã (15) na tela da Record, o profissional falou abertamente sobre o assunto. “Eu sei que eu não tenho culpa. Não tenho culpa porque o pneu explodiu e eu perdi a direção”, frisou Valdoir.

Segundo ele, o que aconteceu foi que um dos pneus do ônibus estourou após o para-choque do veículo ter se soltado, devido ao desnível da estrada. Alguns peritos foram até o local depois da tragédia e recolheram as peças deixadas pelo veículo durante o trajeto.

Publicidade

O sertanejo Conrado continua internado na UTI. Ele está lúcido e consegue respirar sem a intervenção de aparelhos. Segundo informações do jornal Balanço Geral, o ônibus dos cantores já foi alvo de multas por 182 vezes, sendo a maioria delas por estar em uma velocidade maior que a permitida. 

Publicidade

Anterior a isso, a atração havia mostrado um vídeo, que teria sido gravado no mesmo dia que aconteceu o acidente, onde mostra o ônibus andando supostamente acima do limite na rodovia Regis Bittencourt. Por meio de uma nota emitida à imprensa e exposta na internet, os advogados da empresa afirmaram que a gravação não é do dia do acidente, e a mesma não comprova que as imagens foram feitas no local da colisão.

Publicidade

A polícia segue investigando a possível causa do acidente, caso seja comprovado que o motorista estava em uma velocidade maior que a permitida na rodovia, ele pode responder por homicídio culposo.

Publicidade