in

Bolsonaro pode agir? Globo readquire Libertadores e ‘cancelamento’ de concessão vem à tona

Concessões da Globo em São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Brasília e Belo Horizonte termina no dia 5 de outubro.

Pedro Ladeira/Folhapress

A Copa Libertadores da América vai voltar a ser transmitida pela TV Globo no ano que vem. A emissora comprou os direitos de transmissão junto a Conmebol, para o quadriênio 2023-2026. Atualmente, a Libertadores está sendo exibida pelo SBT.

Publicidade

Em 2020, devido à alta do dólar, a Globo se recusou a pagar 65 milhões de dólares para a Conmebol e devolveu os direitos de transmissão à entidade. A Conmebol negociou com o SBT. Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro comemoram o resultado na época.

Nesta quinta-feira (12), a Conmebol divulgou o resultado da licitação para o período de 2023 a 2026. A Globo voltará a exibir o principal torneio de clubes do continente. O SBT exibe a Copa Sul-Americana pelo mesmo período.

Publicidade

Globo corre o risco de ter concessão cancelada?

A concessão da Globo nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Recife e Belo Horizonte encerra no dia 5 de outubro. As concessões foram autorizadas em 2007, pelo então presidente Lula, para um período de 15 anos. Nas cinco cidades, a Globo tem emissoras próprias.

Publicidade

Nesta quinta, após divulgação do resultado dos direitos de transmissão da Copa Libertadores, internautas ficaram com dúvidas a respeito da situação. Alguns deles, apoiadores de Jair Bolsonaro, chegaram a dizer que o presidente vai cancelar a concessão da emissora e a Globo sairá do ar.

Publicidade

Retirar uma emissora do ar não é tão simples. Além da decisão do Ministério das Comunicações, é preciso o aval do Congresso Nacional. Por fim, a emissora ainda poderia recorrer e continuar funcionando com a autorização da Justiça.

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!