in

Paulada nas costas, drogas e policia: a vida de Dado Dolabella na Chapada em Goiás

O artista se mudou para a Chapada a poucos meses, mas já se envolveu em confusões que terminaram na policia.

Isto é - Independente

Em 21 de abril deste ano, o cantor e ator Dado Dolabella foi detido por policiais militares na cidade de São João D’Aliança, na Chapada dos Veadeiros, em Goiás. O artista foi acusado de porte ilegal de drogas. Ele caminhava por uma rua da cidade turística, onde reside desde fevereiro, quando a polícia o abordou. Com ele, foram encontrados 12 gramas de maconha.

Publicidade

Dolabella teve que assinar um termo de um procedimento relacionado a crimes menos ofensivos. O documento foi feito pela própria polícia de Goiás. O artista foi liberado após firmar um compromisso de comparecer à audiência quando convocado por um juiz. A maconha, acondicionada em sacos plásticos, foi levada à Polícia Civil de Goiana para perícia.

Mesmo residindo a poucos meses na cidade turística, o ator já teria se envolvido em outra confusão que terminou na delegacia. Em 4 de abril, Dolabella registrou uma ocorrência de agressão na Polícia Civil. De acordo com informações do boletim de ocorrência, o ator foi agredido com uma paulada nas costas enquanto estava na praça da cidade. Ele disse aos agentes que não havia identificado quem o atingiu.

Publicidade

Dolabella viajou para Alto Paraíso em dezembro do ano passado para um workshop. Desde então, o artista decidiu se mudar para a cidade, que fica em meio à natureza, cercada por árvores e cachoeiras.

Publicidade

O artista contou que queria correr da vida acelerada que tinha na cidade grande, e que necessitava de mais vida. Em meio a natureza tem privilégios que nunca teve antes, como acordar com o canto dos pássaros, cachoeiras e poder beber água 100% potável.

Publicidade

Publicidade