in

Fotos mostram como ficou o ônibus após acidente que tirou a vida do cantor Aleksandro e mais cinco pessoas

O sertanejo fazia dupla com Conrado, que está internado em estado grave; polícia investiga o caso.

Reprodução G1

O site G1 mostrou algumas imagens de como ficou o estado do ônibus depois do grave acidente que tirou a vida do sertanejo Aleksandro, dupla com Conrado, e mais cinco pessoas que faziam parte da equipe, no último dia 7.

Publicidade

Conforme informações da Polícia Rodoviária Federal, um dos pneus do ônibus estourou no trânsito da Rodovia Régis Bittencourt, em Miracatu, até então essa é a principal causa da tragédia ter acontecido. Segundo relatos de alguns sobreviventes, devido a isso, o condutor do veículo pode ter perdido o controle do volante, que acabou tombando no canteiro central.

Após o acidente, um vídeo tem chamado a atenção dos internautas. O suposto registro teria sido feito alguns minutos antes de acontecer o acidente, nele o ônibus estava andando em uma velocidade maior que a permitida, entre 130 e 140 km/h.

Publicidade

Confira algumas imagens do ônibus

O G1 conseguiu entrar em contato com a pessoa que teria feito o vídeo, ele preferiu manter sua identidade em sigilo, mas afirma que fez o registro alguns minutos antes do acidente. Segundo ele, costuma passar pela rodovia diariamente e sempre filma os veículos que estão em uma velocidade maior que a permitida. Na ocasião, o ônibus da dupla chamou sua atenção por esse motivo, e ele ainda teria acelerado para conseguir alcançar o veículo infrator.

Publicidade

O sertanejo João Vitor, que assina o nome artístico de Conrado, foi encaminhado para Hospital Regional de Registro, logo após o acidente. No início foi alegado que ela tinha apenas alguns ferimentos leves, mas conforme o boletim médico, ele segue internado na Unidade de Terapia Intensiva, e sua situação ainda é considerada grave.

Publicidade

Após fazer uma avaliação mais detalhada, os médicos responsáveis por ele decidiu encaminhá-lo para uma cirurgia geral, devido aos sangramentos que Conrado apresentou e para tratar algumas fraturas na bacia.

Publicidade