in

Mãe de Paulo Gustavo desabafa após falecimento do filho completar um ano: ‘Não é verdade’

Déa Lucia desabafou relatando o quanto tem sido difícil viver sem o filho.

Contigo

Figura icônica do humorismo e televisão brasileira, o ator Paulo Gustavo morreu há exatamente um ano, vítima de complicações oriundas da Covid-19. Nesta quarta-feira (4), a mãe do artista, Déa Lúcia Amaral, utilizou as redes sociais para lamentar a saudade que sente do filho após um ano da triste notícia.

Publicidade

Em post no Instagram, Déa fez um desabafo comovente sobre o sentimento de saudade, destacando que a lembrança de Paulo Gustavo segue vivíssima. 

“Não é verdade que tudo passa… Tem coisas que ficam dentro de nós para sempre”, disse a mãe do ator. Ainda na legenda do post, Déa escreveu em caixa alta: “MUITAS SAUDADES DE VOCÊ MEU FILHO”.

Publicidade

Nos comentários da publicação, diversas celebridades e fãs de Paulo lamentaram mais uma vez a partida repentina do artista, que deixou o esposo e dois filhos. Além de Déa Lúcia, Thales Bretas, viúvo de Paulo Gustavo fez uma homenagem ao amado publicando uma foto junto dos filhos e ator. Nos teatros e cinema, ele deu vida a mãe, interpretando a inconfundível “Dona Hermínia”.

Publicidade

Publicidade

Luta pela vida

Paulo Gustavo deu entrada no Hospital Copa Star, no Rio de Janeiro, no dia 13 de março, após testar positivo para o coronavírus e apresentar complicações da infecção. Na unidade, o ator teve altos e baixos em termos de melhora e piora. Foram mais de 50 dias de internação.

No domingo (2 de maio), o artista teve um quadro de embolia pulmonar e a situação ficou delicada. Dois dias mais tarde, o hospital publicou um boletim informando que o cenário era irreversível. Horas depois, a morte dele foi confirmada pela unidade, comovendo o país.

Publicidade