in

Pantanal – Após briga, José Leôncio corta a mesada de Jove: ‘Nunca tive vocação pra sustentar homem barbado’

O fazendeiro passará por uma crise financeira e aproveitará para deixar de enviar dinheiro para o filho.

(Reprodução/TV Globo)

Os conflitos entre José Leôncio (Marcos Palmeira) e seu filho Jove (Jesuíta Barbosa) vão continuar na novela Pantanal. Na trama da TV Globo, o fazendeiro passou longos anos sem ver o filho, que ficou no Rio De Janeiro. Quando finalmente se encontraram, os dois personagens tiveram um grande choque de personalidade.

Publicidade

Mas apesar de não se dar bem com o seu pai e não concordar com a forma que ele ganha a vida, Jove sempre foi bancado por José Leôncio. Mas a boa vida do jovem já está perto de um final.

Por conta do sumiço de Jove, que foi picado por uma cobra e se salvou com a ajuda do Velho do Rio e de Juma Marruá, José Leôncio passou um tempo sem ir para São Paulo para ver como anda os seus negócios. Mas ao voltar à cidade grande, o fazendeiro terá uma triste surpresa.

Publicidade

Em sua ausência, os negócios de José Leôncio foram de mal a pior. “Aconteceu um terremoto aqui?”, dirá o fazendeiro ao ver seus últimos balanços. Seu funcionará de São Paulo lhe jogará a real: “Um não, patrão… Vários”.

Publicidade

A crise nos negócios forçará José Leôncio a vender boa parte do seu gado. Contrariado, o fazendeiro dará a seu filho Tadeu (José Loreto) essa missão. O fazendeiro irá preferir se desfazer dos animais do que pedir um empréstimo bancário.

Publicidade

Além de estar com seus negócios comprometidos, José Leôncio ainda terá uma nova briga com Jove, que voltará para o Rio de Janeiro carregando Juma com ele.

O fazendeiro aproveitará essa nova briga e o fato de sua crise financeira para deixar de pagar a mesada de seu filho. “Ele diz que não precisa da minha caridade e eu nunca tive vocação pra sustentar homem barbado”, dirá José Leôncio.

Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com