in

Tadeu Schmidt confessa medo de apresentar BBB22: ‘Não queria ser cancelado’

Apresentador deixou sua função no Fantástico para assumir vaga deixada por Leifert.

Foto: Reprodução TV Globo

Sucesso absoluto no comando da apresentação do Big Brother Brasil 22, o jornalista Tadeu Schmidt foi bastante exaltado nas redes sociais pelo modo único em que conduziu o reality show desta temporada. Responsável por substituir Tiago Leifert, o ex-Fantástico deu conta do recado, e após cumprir a missão desabafou acerca de todo o receio que sentiu ao assumir o posto.

Publicidade

Convidado do programa Encontro desta manhã (29), Schmidt disse que um dos seus grandes receios durante a realização do programa era ser cancelado

“Eu tinha medo mesmo, porque a gente vinha de dois apresentadores que são os maiores da televisão, o Bial e o Tiago. Então eu tinha uma responsabilidade enorme de fazer bem, não queria ter muitas críticas, eu não queria ser odiado, não queria cancelado”, revelou Tadeu Schmidt, brincando na sequência ao contar que tem chorado nos últimos três dias.

Publicidade

Segundo ele, o resultado encontrado ao longo dos últimos meses foi algo muito distante do que ele poderia imaginar. Além do “boom” nas redes sociais, o jornalista tem sido recebido com muito carinho por onde passa. Sem contar o fato de que ele foi uma unanimidade entre os brothers, elogiado pelos participantes, diversas vezes. 

Publicidade

Episódio 101

Um dia após a finalíssima do BBB22, Tadeu Schmidt foi à casa mais vigiada do país e comandou um episódio extra para a tradicional “lavagem de roupa suja”.

Publicidade

Novamente, o apresentador se destacou pela irreverência e no final se despediu dos brothers apertando o “botão da desistência”, mas deixou bem claro aos telespectadores que tudo não passou de uma brincadeira, e que ele fica sim para comandar a edição 2023 do reality show na TV Globo. 

Publicidade