in

Grande atriz global de ‘A Viagem’ abandonou as novelas e faleceu em depressão

Nascida na década de 40, a famosa fez trabalhos na televisão, no cinema e também no teatro.

Montagem M Feitosa | Reprodução/Globo

A televisão é uma mídia conhecida por gerar o hábito em seu público. Por sempre acompanhar um programa jornalístico, de entretenimento ou uma novela, as personalidades que trabalham na frente das câmeras acabam fazendo parte do dia a dia dos espectadores.

Publicidade

Porém, mesmo com toda a projeção oferecida pela televisão, nem todos os artistas acabam finalizando suas carreiras da maneira esperada.

A atriz Tânia Scher, nascida em 12 de março de 1947, no Rio de Janeiro, foi um grande exemplo disso, uma vez que fez sucesso na frente das câmeras, mas chegou ao fim da vida bem longe dos holofotes.

Publicidade

A artista, que começou sua carreira ainda na década de 1960, trabalhou em filmes como ‘A Espiã que Entrou em Fria’ e ‘Todas as Mulheres do Mundo’, também figurou como vedete nas revistas de Carlos Machado. Ela teve seu trabalho na televisão iniciado em 1970.

Publicidade

Sua primeira novela foi ‘A Próxima Atração’. Logo em seguida, conseguiu emplacar um outro trabalho no folhetim ‘O Homem que Deve Morrer’, em 1971.

Publicidade

Depois disso, Tânia fez um hiato de dez anos, voltando à TV Globo para trabalhar na linha de shows do programa, figurando em programas como ‘Os Trapalhões’.

Atriz explicou a pausa na carreira

Em junho de 1982, Tânia revelou ter ficado longe das telas por ter escolhido viver alguns anos no exterior e que ao voltar pro Brasil, passou por um momento de maior proximidade com a natureza. No mesmo ano, ela trabalhou na novela ‘Sol de Verão’, que teve a história modificada após a morte do protagonista Jardel Filho.

Desde aí, ela não saiu mais das novelas, tendo participado de atrações de sucesso como ‘Guerra dos Sexos’, ‘Ti-Ti-Ti’ e o seu maior trunfo, ‘A Viagem’, de 1994.

Na trama de Ivani Ribeiro, Tânia viveu Josefa, mãe do personagem Téo, interpretado por Maurício Mattar. A atriz ainda participou de ‘A Próxima Vítima’ e ‘Por Amor’, marcado por ser seu último trabalho na televisão.

Em seus últimos anos de vida, a atriz esteve longe das telas e enfrentou uma severa depressão. Após dez anos sem novos trabalhos na TV, Tânia faleceu em 9 de agosto de 2008. Ela tinha 61 anos e o motivo da morte foi uma insuficiência respiratória, além de problemas no fígado.

Publicidade

Escrito por Matheus Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.