in

BBB22: pesquisa mostra quem venceria uma suposta final entre Arthur Aguiar, Pedro Scooby e Paulo André

Os três participantes são vistos por muitos como os favoritos para a grande final do programa.

Reprodução – Globoplay / Montagem – RD1

Essa 22ª edição do Big Brother Brasil está se encaminhando para o final e cada vez fica mais nítido que a final será formada por membros do grupo conhecido aqui fora como “macholândia”. Ontem foi a vez de Natália Deodato ser mais uma mulher eliminada do reality da TV Globo, alcançando incríveis 83,43% dos votos do público.

Publicidade

O ex-morador da casa de vidro, Gustavo somou 14,3%, enquanto o atleta Paulo André ficou com os outros 2,27% de um total de 33.863.189 votos.

Embora tenha saído com um alto índice de rejeição por parte do público, o apresentador Tadeu Schmidt fez questão de enaltecer a participação da sister no reality: “Conseguiu mostrar como pode ser lindo ser um céu cheio de nuvenzinhas“, disse o apresentador em seu discurso de eliminação.

Publicidade

Após a eliminação de Natália, a professora Jessilane se tornou a última mulher dentro da casa. No entanto, ela mesma não tem, assim como Eliezer, perspectivas de ir mais longe no jogo. Os dois já entenderam que o favoritismo do grupo rival é muito forte dentro do reality, não só nas provas, como também no apelo do público.

Publicidade

Nesse sentido, o site “Enquete BBB” fez uma enquete entre os seus usuários perguntando quem sairia vencedor em uma provável final entre Arthur Aguiar, Paulo André e Pedro Scooby.

Publicidade

No final da tarde desta quinta-feira (14/04), o resultado da enquete apontava uma vitória do ator Arthur Aguiar com 68,53% dos votos. Paulo André estava em segundo lugar com 27,8% e Pedro Scooby completava o pódio com apenas 3,7%.

Lembrando que as enquetes deste site, e de qualquer outro, não tem nenhuma interferência no resultado final do reality da TV Globo.

Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com