in

Luciana Gimenez expõe passado triste que muitas mulheres já enfrentaram: ‘acham minha vida perfeita e não é’

A apresentadora desabafou na web sobre uma situação que muitas mulheres enfrentam ou já viveram em algum relacionamento.

Luciana Gimenez (Foto: Reprodução/Instagram)

A apresentadora Luciana Gimenez utilizou suas redes sociais para desabafar com seus seguidores e expor uma situação que muitas mulheres enfrentam ou já viveram em algum relacionamento. A comunicadora quebrou os paradigmas de quem pensava que ela sempre teve uma vida perfeita e revelou que já enfrentou muitos problemas na sua vida pessoal.

Publicidade

Na conversa com os fãs, a apresentadora contou que já viveu uma relação abusiva e aproveitou o momento para incentivar suas seguidoras que estão vivenciando a situação a denunciar os parceiros na Delegacia da Mulher. “Eu já tive um relacionamento, não era amoroso, era outro tipo, mas foi abusivo durante anos”, desabafou a comunicadora.

A modelo relatou que na época não sabia estar vivendo um relacionamento abusivo e que muitas das vezes a vítima não sabe identificar os sinais que indica que a pessoa está em uma relação tóxica. Gimenez afirmou que, normalmente, a pessoa acredita ser a culpada dos problemas do relacionamento e fica com medo de se abrir para os amigos e familiares.

Publicidade

Luciana ainda deu dicas valiosas às suas fãs e disse para elas começarem a notar o comportamento dos parceiros. Ela também disse que a vítima precisa aceitar a situação para compreender que está vivenciando um relacionamento abusivo. “Isso que está acontecendo comigo não é normal, eu estou sofrendo um abuso’. Seja psicológico ou físico, você tem que saber diferenciar”, pontuou a modelo.

Publicidade

Por fim, a comunicadora deu um recado para os internautas que conhecem alguma mulher que está vivendo uma relação abusiva e os aconselhou a prestar ajuda às vítimas através de apoio emocional para que elas se sintam seguras e possam superar o trauma. Luciana também afirmou ser importante denunciar o agressor para romper o ciclo da relação abusiva.

Publicidade
Publicidade