in

Público pede expulsão de Eli do BBB22 por suposto assédio contra Jessi na piscina: ‘Não é não’

Brincadeira de Eliezer com Jessilane na piscina durante festa não repercutiu bem.

TV Globo

Uma cena entre Eliezer e Jessilane na festa do líder Paulo André, que aconteceu durante a madrugada desta quinta-feira (03/03), tem repercutido muito mal entre os telespectadores do reality mais assistido do Brasil. Após tomarem alguns drinks, os confinados da casa pularam na piscina, que foi justamente o cenário da suposta brincadeira de Eli com Jessi.

Publicidade

Sozinho, após Natália ter se recolhido mais cedo, Eliezer passou a perseguir Jessilane na piscina, que gritou várias vezes para que o designer parasse. Jessi chegou até a pedir ajuda para Lina, que ameaçou chamar Natália para ver o que Eli estava fazendo.

Sai, Eli. Para. Ô Lina, me ajuda. Ô Lina, me ajuda. Para, Eli, é sério. Por favor, para“, gritou insistentemente Jessilane, até que a direção do programa se visse obrigada a intervir na situação e um pedido para que Eli parasse foi imediatamente feito.

Publicidade

Após a cena constrangedora, boa parte do público foi as redes sociais pedindo a expulsão de Eli da vigésima segunda edição do Big Brother Brasil, acusando o designer de ter cometido assédio contra a professora. “Quantas vezes ela pediu pro Eliezer parar e por favor?“, disse um usuário do Twitter que completou: “Não é não“, frase que se tornou famosa contra o assédio.

Publicidade

Após a chamada de atenção da direção do programa, Eliezer e a própria Jessilane sinalizaram que era apenas uma brincadeira. A equipe que cuida das redes sociais de Eli usou este mesmo argumento para defender o designer, já que a professora em momento algum acusou ele de qualquer tipo de assédio.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com