in

BBB22: Eli fica preocupado após chamada de atenção da direção do programa por suposto assédio em Jessi

Brincadeira do brother na piscina não pegou bem e a direção foi obrigada a intervir.

DIVULGAÇÃO TV GLOBO

A festa do líder Paulo André na madrugada desta quinta-feira rendeu assunto dentro e fora da casa mais vigiada do país. Uma cena dentro da piscina durante a celebração acabou provocando a intervenção do programa, que pediu para Eliezer parar com uma situação no mínimo deselegante, frente a professora Jessilane.

Publicidade

Após muitos drinks durante a festa, os confinados da vigésima segunda edição do Big Brother Brasil se jogaram na piscina e foi aí que o episódio desagradável aconteceu. Sozinho, após Natália ter ido dormir mais cedo, o designer Eliezer começou a perseguir e teria tentado agarrar Jessilane dentro da piscina.

A professora começou a pedir para o brother parar e até pediu a ajuda de outros participantes: “Sai, Eli. Para. Ô Lina, me ajuda. Ô Lina, me ajuda. Para, Eli, é sério. Por favor, para“, gritou Jessi, sem que Eli recuasse. Nesse momento, houve a intervenção da direção, ordenando que o designer parasse com a suposta brincadeira.

Publicidade

Após o acontecido, Eliezer parou imediatamente de cercar Jessilane e começou a ficar preocupado com a repercussão de seu ato. A própria Jessi tentou tranquilizar o brother, dizendo que tudo não passava de uma brincadeira. Douglas também entrou na conversa dizendo que Eli iria acordar no outro dia se lembrando do que tinha feito e dizendo que estava preocupado.

Publicidade

O papo seguiu com Eliezer repetindo por diversas vezes que estava apenas brincando com Jessilane, enquanto a sister continuava tentando o tranquilizar.

Publicidade

Enquanto isso, nas redes sociais, muitos telespectadores do programa da TV Globo passaram a acusar o designer de assédio. Vale lembrar, que só nesta edição Eli já foi para de baixo do edredom com Maria e também com Natália.

Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com