in

Paulinha Abelha: profissionais da saúde fazem alerta para perigo de chás e remédios para emagrecer

Viúvo da cantora admitiu em entrevista que ela fazia uso de medicamentos e chás.

Instagram Paulinha Abelha

A causa da morte de Paulinha Abelha que aconteceu no último dia 23, ainda não foi esclarecida, porém, os médicos que cuidaram da vocalista da banda Calcinha Preta apontam que a artista estava sofrendo com problemas renais que foram supostamente causados pelo uso excessivo de remédios e chás para perder peso.

Publicidade

O esposo da cantora, o modelo Clevinho Santos, confirmou durante entrevista para o Fantástico, no domingo (27), que a amada tinha o hábito de fazer uso de medicamentos e chás para emagrecer quando tinha que se apresentar nos shows da banda.

O viúvo revelou que semanalmente, Paulinha tomava medicamentos diuréticos, para se sentir mais bonita e magra no palco.

Publicidade

A nefrologista Maria Letícia Cascelli, fez um alerta para o uso indiscriminado tanto desse tipo de remédios como de alguns chás que prometem o emagrecimento rápido.

Publicidade

A especialista explicou que muitas pessoas costumam ingerir algumas substâncias sem nenhuma comprovação por parte da ciência, visando resultados rápidos na perda de peso. Como se isso não bastasse, costumam ainda intensificar o ritmo de atividades físicas associado a uso de medicamentos anti-inflamatórios para aliviar as dores musculares. A soma desses fatores pode resultar em um grande impacto prejudicial ao organismo da pessoa.

Publicidade

A profissional alertou ainda que os medicamentos com a finalidade de perder peso só devem ser utilizados com indicação de um médico. Entre os riscos mais comuns estão: dependência química, efeito sanfona e alterações gastrointestinais, cardíacas e renais.

A endocrinologista Lorena Lima Amato, explica que para alguém que deseja emagrecer é necessário passar por um acompanhamento de uma equipe profissional e entender a importância de mudar os hábitos no dia a dia.

Publicidade