in

Tadeu Schmidt e esposa se isolam em ‘casa de vidro’ na própria casa: ‘Recluso’

O casal vem mantendo uma distância física das filhas por medo delas contraírem Covid e transmitir o vírus para eles.

Reprodução/Instagram/@tadeuschmidt

O apresentador do Big Brother Brasil 22, Tadeu Schmidt, contou que também está vivendo em uma “casa de vidro” ao lado da esposa, Ana Cristina Schmidt. No entanto, diferente dos participantes do reality show, a “casa de vidro” do casal é particular e o motivo não é uma competição, mas, sim, proteger as filhas Valentina, de 19 anos, e Laura, de 17.

Publicidade

Por meio do seu Instagram, o comunicador brincou sobre o fato de os participantes Gustavo e Larissa estarem confinados na tradicional casa de vidro do BBB. Ao comentar sobre, Schmidt aproveitou para revelar que, em tempos de pandemia, ele e a companheira também estão vivendo em uma redoma particular, para que assim, não tenham contato com as filhas, como forma de precaução.

De acordo com o comunicador, ele está muito “recluso” e, por isso, só mantém contato com as filhas por meio dos vidros da varanda da casa onde moram, mesmo assim, ele destaca que tal contato é feito de maneira bem rápida.

Publicidade

Publicidade

Tadeu Schmidt explica que tanto Valentina, quanto Laura, continuam vivendo suas vidas normalmente em tempos de pandemia, por isso eles têm evitado manter contato físico com as meninas com medo de as jovens contraírem a doença e acabarem passando para ele sua esposa.

Publicidade

“Também tem casa de vidro no lar dos Schmidts”, escreveu o apresentador, explicando que ele e a companheira, a quem se refere por “mozão”, só vêem as filhas pelo vidro da varanda. Schmidt ainda contou que só sai de casa para os estúdios da Rede Globo, onde, segundo ele, a testagem contra o vírus é intensa. Ele diz ainda que fica com uma boa máscara por todo o tempo e, inclusive, que a mesma fica bem ajustada em seu rosto. “Mozão simplesmente não sai de casa”, explicou ele sobre a rotina da companheira.

Publicidade