in

De foragido à luta contra as drogas: assim estão alguns ex-integrantes do Pânico

Um dos maiores programas de humor da televisão brasileira, a atração foi transmitida pela RedeTV e Bandeirantes.

Reprodução/Band

Embora a TV Globo seja lembrada como a maior produtora de entretenimento do Brasil, foi da RedeTV! que saiu um dos programas humorísticos de maior sucesso dos anos 2000.

Publicidade

O Pânico na TV, que foi exibido entre 2003 e 2012 no canal de Amilcare Dallevo e Marcelo de Carvalho é um derivado da atração de rádio Pânico, exibido até os dias de hoje pela Jovem Pan. Depois de discordâncias entre o programa e a emissora, eles migraram para a Band, onde permaneceram até 2017.

Atração contava com um elenco de humoristas e repórteres que faziam um balanço semanal bem-humorado entrevistando celebridades em portas de festas e em outras ocasiões, além de quadros humorísticos que marcaram época.

Publicidade

Mesmo com um grande sucesso, alguns nomes do elenco infelizmente não conseguiram continuar na televisão e estão vivendo maus bocados. 

Publicidade

Carlinhos Mendigo

Integrante do Pânico entre os anos de 2003 e 2007 e em seguida entre os anos de 2015 e 2017, Carlinhos é um nome que saiu do sucesso da televisão para as páginas policiais. 

Publicidade

No momento ele é considerado foragido por ter tido um pedido de prisão decretado devido uma dívida de pensão alimentícia. Em seus últimos anos de Pânico, ele ficou conhecido por trabalhar ao lado das Gagas Solange e Cremilda.

Evandro Santo

Conhecido por ser intérprete do ácido repórter Christian Pior, Evandro Santo foi um dos poucos participantes que estiveram em todas as fases do programa.

Após o término da atração, chegou a figurar no reality A Fazenda, além do Programa Raul Gil e do Melhor da Tarde. Nos últimos anos, ele chegou a revelar em entrevista que passou por tratamentos para vencer o vício nas drogas. 

Charles Henriquepédia

Integrante do Pânico que é reconhecido por sua grande memória sobre vários assuntos, Charles não conseguiu voltar à TV após o final do Pânico na Band.

Atualmente, o humorista produz conteúdos para a internet e sempre faz questão de falar que deseja continuar trabalhando na TV, pois esse éo seu sonho.

Arex

Marcelo Eiji Harada, conhecido como “Japonês do Pânico” e por ter interpretado personagens como Arex e Sabrina Sapo no quadro do Jô Suado, foi preso no ano de 2018 após ser acusado de armazenar conteúdo impróprio envolvendo menores de idade. 

Atualmente, ele trabalha fazendo figuração em atrações para a TV.

Publicidade

Escrito por Matheus Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.