in

Renata Vasconcellos dá dura notícia ao Brasil no Jornal Nacional: ‘mais três corpos’

Apresentadora anunciou reportagem sobre deslizamentos de terra ocorridos em SP por causa da chuva.

Reprodução Globo

Renata Vasconcellos comanda diariamente o Jornal Nacional ao lado de William Bonner. Por vezes, a edição do JN tem notícias mais leves. Em outros momentos, porém, o noticiário é muito pesado. Nesta semana, tem sido um pouco assim. O telejornal tem feito a cobertura das fortes chuvas que atingem cidades da Grande São Paulo.

Publicidade

Renata Vasconcellos anunciou a reportagem sobre a tragédia que assola a região da Grande São Paulo. “As equipes de resgate encontraram mais três corpos de vítimas de deslizamentos na Grande São Paulo. O número de mortos chegou a 27”, disse Renata. Nesta quinta-feira (3), o número de óbitos foi atualizado para 29.

O repórter César Menezes mostrou os detalhes na reportagem. Um idoso de 82 anos e seus dois netos gêmeos, de 16, estavam nos escombros de uma casa que foi atingida por deslizamento de terra na cidade de Franco da Rocha. Nesta quinta, mais dois corpos foram encontrados pelas equipes que fazem o resgate. Pessoas continuam desaparecidas.

Publicidade

Caso Moïse também é exibido no Jornal Nacional

Além da cobertura das chuvas em São Paulo, o Jornal Nacional tem dado destaque à morte do jovem congolês Moïse, de 24 anos. Ele foi espancado até a morte quando tentou cobrar o valor de R$ 200 por serviços que havia prestado a um quiosque.

Publicidade

As imagens do espancamento foram captadas pela câmera de segurança do quiosque. O Jornal Nacional exibiu pequena parte da sessão de espancamento. O jovem que chegou ao Brasil fugindo da guerra no Congo levou socos, chutes e pauladas. O JN segue acompanhando o caso.

Publicidade

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!