in

Karina Bacchi diz sentir ‘muito nojo’ de seu ensaio para a Playboy: ‘coisa demoníaca’

A loira usou o seu canal no YouTube para dizer sentir raiva e muito nojo de ter tirado fotos nua para a revista.

Divulgação/IstoÉ

A ex-modelo Karina Bacchi, que hoje é evangélica e convertida, usou o seu canal no YouTube para revelar sentir muito nojo de ter tirado fotos para a Playboy, que era uma revista destinada ao entretenimento adulto. A atriz disse se arrepender profundamente de ter tirado fotos nua para a revista e destaca que atualmente leva uma vida dedicada exclusivamente a Deus.

Publicidade

Tenho tanto nojo da minha Playboy”, disparou Karina Bacchi, ressaltando que “o mau trabalhou de um jeito ali”. E mais, o que fez a atriz ter ainda mais nojo de seu ensaio foi o fato de o mesmo ter sido feito em um especial de Natal, nascimento de Jesus.

Bacchi diz que no ensaio ela vestiu um chapeuzinho de Mamãe Noel e ressaltou que o mesmo foi uma “coisa demoniaca”. E mais, a loira ainda diz ter raiva desse momento.

Publicidade

Vale destacar que a versão impressa da revista Playboy foi extinta e muitos especulam que a internet acabou “matando” a revista. De origem americana, a revista foi extinta no Brasil em 2015, tendo em vista que as revistas começaram a perder circulação, leitores e anunciantes.

Publicidade

Na quarta-feira, 26, a atriz usou as redes sociais para homenagear o marido, Amaury Nunes, por seu aniversário. A loira disse comemorar a nova vida do amado, a vida do novo homem que ele se tornou. E mais, a artista ainda pediu que Deus continue abençoando Amaury diariamente e profundamente, para que assim, essa luz siga iluminando e fluindo dentro dele. Por fim, Bacchi desejou um feliz aniversário com felicidade divina e muito amor para seu companheiro.

Publicidade

Publicidade