in

Renato Aragão e Lilian processam banco por prejuízo de mais de R$ 3 milhões

A ação corre na 7ª Vara Cível da Barra e aguarda decisões de outros processos criminais e trabalhistas envolvidos.

Reprodução/Instagram

O ator, humorista e apresentador Renato Aragão, sua companheira, Lilian Taranto Aragão e a empresa deles,  a Renato Aragão Produções Artísticas, estão movendo uma ação judicial contra a instituição financeira Santander por supostas adulterações na compensação de cheques que teriam causado um prejuízo de ao menos R$ 3,3 milhões.

Publicidade

Em dezembro de 2021, após um pedido de recurso do banco, foi divulgado que a desembargadora Sirley Abreu Biondi afirmou que o processo indenizatório está sendo movido devido a alguns cheques que foram emitidos e adulterados por um funcionário responsável por realizar os pagamentos.

De acordo com informações da ação, Renato e a esposa acusam o funcionário Alexandre Reis Costa de ter adulterado os cheques, que foram emitidos por uma empresa de distribuição de lucros para ombos. Após a repercussão do caso, Alexandre foi demitido e se tornou réu de uma ação criminal por estelionato. Além disso, ele também responde por uma ação trabalhista.

Publicidade

Atualmente, a ação movida por Renato Aragão e Lilian contra o banco  corre na 7ª Vara Cível da Barra, no entanto, encontra-se suspenso já que aguarda decisões das demais ações -criminal e trabalhista- que estão em andamento.

Publicidade

Recentemente, a filha de Renato Aragão usou as redes sociais para esclarecer um boato envolvendo o patriarca. Lívian Aragão abriu uma caixa de perguntas no Instagram para conversar com os seguidores e revelou que o pai nunca se incomodou de ser chamado de Didi, personagem de Os Trapalhões que fez com que o humorista ficasse conhecido por todo o país.

Publicidade
Publicidade