in

Antonia Fontenelle debocha da perda de Batoré: ‘Coitadinho é o c*****’

A atriz movia um processo de danos morais contra o humorista Batoré desde 2019, quando ele a chamou de ‘rapariga’ em um vídeo.

Reprodução / Instagram

A jornalista Antonia Fontenelle se tornou alvo de uma polêmica após ter usado as suas redes sociais para comentar sobre a morte do humorista Ivanildo Gomes Nogueira, mais conhecido no meio artístico como Batoré. O comediante morreu vítima de um câncer.

Publicidade

Na segunda-feira, 10, por meio dos Stories do Instagram, Antonia Fontenelle disparou que Batoré não passava de um “covarde” e “machista”. E mais, a loira ainda afirmou que já recebeu julgamento de Batoré sem nunca ter feito nada contra o humorista.

Citando a morte do comediante, a atriz e apresentadora disse que muitos estão lamentando a morte dele dizendo: “Coitadinho, Batoré morreu”. “Coitadinho é o c*****”, completou Fontenelle.

Publicidade

Vale destacar que o desentendimento entre Batoré e Antonia Fontenelle é algo antigo, já que os dois se enfrentaram judicialmente no ano de 2019. Na época, a atriz processou o humorista por danos morais depois que ele a chamou de “rapariga” em um dos vídeos publicados em seu canal no YouTube. Na ação, Antonia pediu mais de R$ 100 mil de indenização, uma retratação pública por parte de Batoré e ainda que ele apagasse o vídeo da internet.

Publicidade

Por meio das redes sociais, a atriz comentou sobre o processo com os seguidores, mas agora o mesmo será arquivado devido à morte de Batoré. A loira destacou estar processando o humorista, mas agora ele teria que prestar “conta com quem ele tem que prestar”. Por fim, Fontenelle destaca que seria hipocrisia ela dizer que Batoré era um cara exemplar e que tá nos braços de Deus. “A verdade é para ser dita”, disparou.

Publicidade
Publicidade