in

Gabriela Spanic é desmentida após dizer que Thalía nunca foi convidada para protagonizar A Usurpadora

Gaby afirma que Thalía nunca foi cotada para viver Paulina e Paola, mas há uma série de provas contrárias.

Reprodução/Univisión/Olga Laris

Muitos fãs de novelas mexicanas sempre imaginaram como seria A Usurpadora se tivesse sido protagonizada por Thalía. Isto porque a atriz e cantora mexicana foi a primeira cotada para os papéis das gêmeas Paulina e Paola, mas os recusou, já que estava ocupada divulgando seu álbum Amor a La Mexicana, de 1997. Então, Gabriela Spanic acabou sendo a escolhida, o que gerou a inveja de muitas atrizes que disputavam o protagonismo da trama.

Publicidade

Gabriela Spanic diz que Thalía nunca foi convidada

Pouco antes da pandemia, Gabriela Spanic esteve no Brasil e concedeu uma entrevista ao site Observatório da Televisão, onde deu uma declaração curiosa. Segundo ela, essa história de Thalía ter sido convidada é falsa. Gaby afirma que o papel sempre lhe pertenceu, que foi a escolhida para ser Paola e Paulina desde o princípio.

Recentemente, as declarações de Spanic voltaram a repercutir e foram descobertas provas de que ela teria mentido nesta entrevista. Isto porque o próprio produtor da novela, Salvador Mejía, confirmou que Thalía foi a primeira convidada. Na época, a cantora e atriz era um fenômeno e todos os produtores a queriam como protagonista. Salvador declarou: “A primeira pessoa com quem conversei foi com ela (Thalía) e o projeto a encantou”. Porém, outros compromissos profissionais a impediram de aceitar o papel.

Publicidade

No passado, a própria Spanic disse que Thalía era a primeira opção

Curiosamente, outra evidência parte de falas da própria Spanic. Em 2012, a venezuelana foi entrevistada por Thalía, no programa de rádio Conexión Thalía. Neste encontro, Gaby agradeceu a Thalía por recusar os papéis, pois assim pôde se consagrar como Paulina Martinez e Paola Bracho.

Publicidade

Logo, a história de que Thalía foi a primeira convidada é verdadeira. Gabriela, ao dizer que é mentira, se contradiz. Porém, é possível que a estrela venezuelana só tenha se confundido após tantos anos. Na atualidade, uma nova versão de A Usurpadora está sendo produzida para o cinema, e Spanic fará uma participação especial. A versão de 1998 está disponível na Globoplay.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Tiago Santos

Estudante de Jornalismo. Especialista em televisão. Atuando como redator há seis anos, com passagem em diversas plataformas. Meu contato é: bringbacknashville@gmail.com